Google+ Followers

sábado, 9 de junho de 2012

Flor de cera

«Hoya carnosa» é o nome científico.
Como já se sabe, os nomes científicos são sempre muito contrários a tudo o que é a beleza e o cheiro das flores.
Das flores e, aliás, de muitas coisas mais...

 Espero que quando o J. chegar, ainda restem algumas destas flores para lhe mostrar








2 comentários:

  1. Desta vez, "carnosas" ou carnudas, está bem. Achas que são um fratal? sou apanhada por fratais e parecem-me. A matemática está em tudo que é beleza. O belo vive tb do repetir e nós a querermos originais sem pensar na origem da harmonia e originalidade. Uma sequência de originais talvez não desse nada. Nunca o tinha pensado. Prefiro as flores de cera, aliás muito bonitas e trepadoras, ao fratal da couve flor :))

    ResponderEliminar
  2. Essa da matemática, da harmonia e da beleza é fascínio que vem de longe...
    Quanto à originalidade, digamos, é mais uma ideia pós-moderna, revivalista, barroca, artística sem que isso signifique harmonia ou beleza. E o que tem a ver o humano com a beleza do universo e a maravilha da simplicidade?

    ResponderEliminar