Google+ Followers

domingo, 31 de julho de 2011

Come a papa....

Quem diria que esta não é uma canção tradicional? Tem autor conhecido e data de nascimento, mas propagou-se de tal maneira que cuido haver muita gente que a canta desconhecendo a sua origem.
José Barata-Moura é actualmente Professor Catedrático de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, tendo sido reitor da mesma entre 1998 e 2006. Se não erro, a publicação dos seus principais álbuns de canções infantis situa-se nas décadas de setenta e oitenta. São, na minha opinião, do melhor que já alguma vez se fez para crianças. Os meus filhos, agora pais, foram, em alguns casos, contemporâneos destas canções que lhes cantava em pequeninos, fazendo a adaptação respectiva... Algumas delas já foram de tal maneira apropriadas que figuram em qualquer pesquisa do youtube, sem qualquer referência de autor, a par das canções tradicionais. Por um lado, isso é bom mas, por outro, tende a fazer esquecer o seu autor e a diluir as canções em modos de cantar uniformizados e com arranjos musicais muito pouco interessantes. Basta ouvir o autor, ainda que alguns anos mais tarde (agradeço a quem pôs este video no youtube), para se notar a diferença. Quem quiser, pode facilmente comparar:

Sem comentários:

Enviar um comentário